Sinais do fim

Cristo preveniu Seus discípulos da destruição de Jerusalém e dos sinais que ocorreriam antes da vinda do Filho do homem. Todo o capítulo vinte e quatro de Mateus é uma profecia a respeito dos acontecimentos que precederão esse evento, e a destruição de Jerusalém é usada para representar a última grande destruição do mundo pelo fogo.

Cristo, no Monte das Oliveiras, enumerou os juízos terríveis que deviam preceder Sua volta: “E ouvireis de guerras e de rumores de guerras.” “Porquanto se levantará nação contra nação, e reino contra reino, e haverá fomes, e pestes, e terremotos, em vários lugares. Mas todas estas coisas são o princípio de dores.” Mat. 24:6 e 7. Se bem que essas profecias tivessem tido cumprimento parcial na destruição de Jerusalém, aplicam-se mais diretamente aos últimos dias.

 

Ao fim da grande perseguição papal, declarou Cristo, o Sol se escureceria, e a Lua não daria sua luz. Em seguida, cairiam as estrelas do céu. E Ele diz: “Aprendei pois esta parábola da figueira: Quando já os seus ramos se tornam tenros e brotam folhas, sabeis que está próximo o verão. Igualmente, quando virdes todas estas coisas, sabei que Ele está próximo às portas.” Mat. 24:32 e 33.

 

Cristo deu sinais de Sua vinda. Declara que podemos conhecer quando Ele está perto, às portas. Ele diz daqueles que vêem estas coisas: “Não passará esta geração sem que todas estas coisas aconteçam.” Estes sinais apareceram. Agora sabemos com certeza que a vinda do Senhor está às portas.

 

Sinais na Terra

Declara Jesus: “E haverá sinais no Sol, na Lua e nas estrelas; e na Terra angústia das nações.” Luc. 21:25; Mat. 24:29; Mar. 13:24-26; Apoc. 6:12-17. Os que contemplam estes prenúncios de Sua vinda, devem saber que “está próximo, às portas”. Mat. 24:33.

 

As nações estão agitadas. Tempos de perplexidade se acham diante de nós. O coração dos homens está desmaiando de terror das coisas que sobrevirão ao mundo. Mas os que crêem em Deus ouvirão Sua voz em meio à tormenta, dizendo: “Sou Eu. Não temais.”

 

Estranha e momentosa história está sendo registrada nos livros do Céu – eventos que, segundo foi declarado, precederiam de perto o grande dia de Deus. Tudo no mundo está em agitação.

 

Falsos Profetas

Como um dos sinais da destruição de Jerusalém, Cristo havia dito: “E surgirão muitos falsos profetas, e enganarão a muitos.” Mat. 24:11. Ergueram-se falsos profetas, enganando o povo, e levando grande número ao deserto. Mágicos e exorcistas, pretendendo miraculoso poder, arrastaram o povo após si, às solidões das montanhas. Mas esta profecia foi dada também para os últimos dias. Este sinal é o indício do segundo advento.

 

Glutonaria e Intemperança

A glutonaria e a intemperança constituem o fundamento da grande depravação moral em nosso mundo. Satanás está ciente disso, e tenta constantemente a homens e mulheres para que condescendam com a gula à custa da saúde e mesmo da própria vida. Comer, beber e vestir-se tornam-se o alvo da vida para o mundo. Tal estado de coisas existia antes do dilúvio. E este estado de dissipação é uma das marcantes evidências da breve terminação da história terrestre.

 

O quadro que a Inspiração nos deu do mundo antediluviano representa mui verdadeiramente a condição a que rapidamente a sociedade moderna caminha.

 

Sabemos que o Senhor virá muito em breve. O mundo está rapidamente se tornando como era nos dias de Noé. Ele se acha entregue à condescendência egoísta. O comer e o beber são levados a excessos. Os homens estão tomando as nocivas bebidas alcoólicas que os deixam transtornados.

 

Atos de Violência

Nos dias de Noé a esmagadora maioria se opunha à verdade, e se apaixonara por um conjunto de falsidades. A Terra estava cheia de violência. A guerra, o crime e o homicídio eram a ordem do dia. Assim será também antes da segunda vinda de Cristo.

 

As uniões trabalhistas rapidamente se agitam e apelam à violência se suas reivindicações não são atendidas. Mais e mais claro está se tornando que os habitantes do mundo não estão em harmonia com Deus. Nenhuma teoria científica pode explicar a firme marcha de obreiros iníquos sob o comando de Satanás. Em toda multidão, anjos ímpios estão em operação, instando homens a cometer atos de violência. …

 

A perversidade e crueldade dos homens alcançarão tal atitude que Deus Se revelará em Sua majestade. Muito em breve a impiedade do mundo terá atingido seu limite e, como nos dias de Noé, Deus derramará os Seus juízos.

 

Os terríveis relatos que ouvimos de homicídios e roubos, de acidentes ferroviários e atos de violência, declaram que o fim de todas as coisas está próximo. Agora, agora mesmo, precisamos estar nos preparando para a segunda vinda do Senhor.

 

Guerras e Desastres

Aproxima-se a tempestade, e precisamos aprontar-nos para sua fúria mediante arrependimento para com Deus e fé em nosso Senhor Jesus Cristo. O Senhor Se levantará para sacudir terrrivelmente a Terra. Veremos aflições por todos os lados. Milhares de navios serão arremessados para as profundezas do mar. Esquadras se submergirão, sendo sacrificados milhões de vidas humanas. Irromperão inesperadamente incêndios que nenhum esforço humano será capaz de extinguir. Os palácios da Terra serão varridos pela fúria das chamas. Tornar-se-ão mais e mais freqüentes os desastres de estrada de ferro; confusão, colisões e morte sem um momento de advertência ocorrerão nas grandes vias de comunicação. O fim está perto, a graça está a terminar. Oh! busquemos a Deus enquanto Se pode achar, invoquemo-Lo enquanto está perto!

 

Nas últimas cenas da história terrestre, grassará a guerra. Haverá epidemias, pragas e fomes. As águas do oceano transporão seus limites. Propriedades e vidas serão destruídas pelo fogo e por inundações. Deveríamos estar nos preparando para as mansões que Cristo foi preparar para os que O amam.

 

Grandes Bolas de Fogo

Na última sexta-feira, pela manhã, pouco antes de acordar, uma cena muito impressionante me foi apresentada. Parecia que eu havia acordado, mas não estava em meu lar. Das janelas eu podia avistar um terrível incêndio.Grandes bolas de fogo caíam sobre as casas e dessas bolas voavam flechas incandescentes em todas as direções. Era impossível apagar os fogos que se acendiam, e muitos lugares estavam sendo destruídos. O terror do povo era indescritível. Depois de algum tempo, acordei e vi que estava em casa.

 

Vi uma imensa bola de fogo cair no meio de algumas lindas habitações, destruindo-as imediatamente. Ouvi alguns dizerem: “Sabíamos que os juízos de Deus sobreviriam à Terra, mas não sabíamos que viriam tão cedo.” Outros, com acento de voz agoniante, diziam: “Os senhores sabiam! Por que, então, não nos disseram? Nós não sabíamos.”

 

Terremotos e Inundações

O inimigo atuou no passado e ainda está atuando. Ele desceu com grande poder, e o Espírito de Deus está-Se retirando da Terra. Deus tem retirado Sua mão. Só temos de olhar para Johnstown [Pensilvânia]. Ele não impediu que o diabo acabasse com a existência de toda essa cidade. E essas mesmas coisas aumentarão até o fim da história terrestre.

 

A crosta terrestre será dilacerada pelas explosões dos elementos ocultos nas entranhas da Terra. Estes elementos, uma vez desprendidos, arrebatarão os tesouros dos que durante anos têm aumentado sua fortuna pela aquisição de grandes posses a preços de fome dos que estão ao seu serviço. E o mundo religioso também será terrivelmente abalado, pois o fim de todas as coisas está às portas.

 

Chegou agora o tempo em que num momento podemos estar em terra sólida, e no outro momento pode ela estar fugindo de debaixo de nossos pés. Haverá terremotos onde menos se espera.

 

Em incêndios, em inundações, em terremotos, na fúria das grandes profundezas, nas calamidades por mar e terra, é transmitida a advertência de que o Espírito de Deus não agirá para sempre com os homens.

 

Antes que o Filho do homem apareça nas nuvens do céu, tudo na Natureza estará em convulsão. Raios do céu unindo-se ao fogo na Terra farão com que as montanhas queimem como uma fornalha e lancem suas torrentes de lava sobre aldeias e cidades. Massas derretidas de rochas lançadas na água pela sublevação das coisas ocultas na Terra farão ferver a água e arremessarão pedras e terra. Haverá fortes terremotos e grande destruição de vidas humanas.

Fonte: Livro Eventos Finais
www.cpb.com.br

Comente


  1. marcelo kiwi

    passamos então após a conversão, a perceber que o caminho do Senhor é mais feliz e o seguiremos sendo verdadeiros cristãos, os quais em primeiro lugar, amam e adoram a um único Deus …
    ..consegui encontrar o Caminho de volta e hoje, sou muito feliz, participo do Grupo de Oração “Mãe Celeste”, da Reenovação Carismática Católica.

    kkkkkkkkkk ironia ou burrice?



  2. joão

    perfect adoreiii



  3. WESLLEYBRUNOSILVAPORTO

    OS EVENTOS FINAIS ESTÃO AO NOSSO LADO ACONTECENDO, “DEUS” DEIXOU BEM CLARO EM VÁRIOS VERSÍCULOS DA BÍBLIA,POR ISSO OS QUE TEM FÉ NA PALAVRA QUE “JESUS” DEIXOU E SEGUE SEUS CAMINHOS,PRINCIPALMENTE O AMOR,A ESPERANÇA E OS SEUS DEZ MANDAMENTOS,PODE TER CERTEZA QUE SERÁ SALVO DE TODAS AS MALDADES E TENTAÇÕES,PRINCIPALMENTE NO DIA DE SUA VOLTA.PORTANTO SE PREPARE.



  4. Emanuel Aguiar

    O versículo 14 de Lucas 24, ao meu ver é mal interpretado por algumas religiões.

    Vejam: E este evangelho do reino será pregado em todo o mundo, em testemunho a todas as nações, e então virá o fim.

    Isso não é algo que seja obra do homem. Não creio que seja missão do homem levar ao cumprimento dessa profecia. Vejo sim. Deus fazendo-a se cumprir. Algo que ele esta zelando.

    Pois com a polarização da fé. Afinal a luta é entre Jesus x Anti Cristo. Óbvio que no fim, as crenças estarão polarizadas para os que são de fato cristãos. E os que são contra (veja bem -contra) os cristãos. Não defenderão sua fé com convicção. Eles trabalharão para combater os Cristãos. Teremos a nossa árdua parte.



  5. joao gilherme

    em felismente muitos crentes estao se perdendo este mundo por dinheiro fama poder.Espero que muitos leiao este artigo e percebao quao perto esta a volta de cristo



  6. Fernando

    Meu querido, o fim do mundo primeiramente tem que ocorrer dentro de nós, para depois percebermos que não necessitamos de 100 provas que acontecerá, nem seu dia e local, afinal com o fim do nosso mundo interior, o qual é perverso, capitalista e escarnecedor, passamos então após a conversão, a perceber que o caminho do Senhor é mais feliz e o seguiremos sendo verdadeiros cristãos, os quais em primeiro lugar, amam e adoram a um único Deus e em segundo lugar, ama os irmãos, sem distinção, pois vê em cada um destes, Jesus, então o fim dos tempos, tão temido pelo pecador, abrirá espaço para a espera da vinda do Amado. Que Ele venha,…, vigiai! Também tinha medo, estava no fundo do poço, cheguei a surtar, Graças a Deus, consegui encontrar o Caminho de volta e hoje, sou muito feliz, participo do Grupo de Oração Mãe Celeste, da Reenovação Carismática Católica, abraço, seja bem vindo!



  7. Bernardo Seke

    Podem ajudar-me com 100 eventos que marcão o fim do mundo e que se produzirão com as datas e os sitios onde que acontecerão para convecer um senhor à quem falei do fim do mundo